terça-feira, novembro 22

Tolerância Tem Limite

O reajuste do salário mínimo de 2012 estava previsto em 13,6%. O atual valor de R$ 545,00 seria reajustado, segundo regra aprovada no Congresso Nacional, para R$ R$ 619,21.

Repito, 13,6%, correspondendo à reposição do INPC estimado (5,7%) turbinado pelo aumento do do PIB (7,5%) de 2010.

Um aumento real de 7,5%. Uma boa notícia para os trabalhadores. 

Entretanto, com o aumento da inflação, o INPC foi revisto para 6,65%. Consequentemente, o percentual do reajuste do salário mínimo foi alterado de 13,6% para 14,26%. O novo valor passou de R$ 619,21 para R$ 622,73, conforme ofício Ministério do Planejamento no dia 21 de novembro deste ano.

R$ 3,52 a mais. Repito R$ 3,52 A MAIS

Clique aqui para ler a notícia publica pelo Estado de São Paulo.

Notícia que alguns jornalistas resolveram tratar com sarcasmo.

TV Cultura e Ricardo Setti solenemente ignoraram o fato de ter sido um dos maiores aumentos nominais e reais dos últimos anos. Eles preferiram ater-se ao pequeno valor da correção (R$ 3,53) necessária para atender o projeto de reajuste aprovado no Congresso Nacional.

Ricardo Setti, em seu blog, escreveu: "Agora a coisa vai: governo atualiza salário mínimo de 2012 em 3,50 reais"

Cristina Poli narrou no Jornal da Cultura do próprio dia 21:
"Aqui em São Paulo com R3,50 dá pra pagar uma passagem de ônibus ou tomar um cafezinho espresso e ainda sobram algumas moedinhas. Um rico dinhheirinho pra milhões de brasileiros que ainda recebem o piso salarial do país."

Veja você mesmo, a partir de 1'12'' do vídeo abaixo:
video

Resumindo, a não ser que eu seja completamente louco, existe alguma coisa de muito errado com nossa imprensa.

Adjútor Alvim - "Editor" do blog Casa de Tolerância

4 comentários:

  1. Sinceramente acho que para quem não recebe o SM tal notícia não tem alcance. Já para quem recebe vai achar estranho, porque seu poder de compra está aumentando mais do qualquer outra categoria (exceto magistrados) e nem vão ligar para a "reporcagem"! Estarão pensando em coisas mais úteis tais como trabalhar, estudar e melhorar de vida para não receber mais o SM!

    ResponderExcluir
  2. Alvim, o aumento nominal do salário será diluido pelo aumento do custo de vida em função do próprio aumento do salário minimo.
    Somente com o aumento da produtividade da economia se tem auemntos reais de salários.
    Fora isso é apenas controle de preços por parte do governo.
    A politica de salário minimo é excludente pessoas que não tem produtividade que justifique o salário minimo são excluidas do mercado de trabalho.
    Adicionando de que o custo trabalhista corresponde a 100% do recebido o salário minimo será de fato 1244 reais este é o salário minimo real, o que o trabalhador leva pra casa e apenas parte dele os 622 reais. Pra onde vai os outros 622 reais pergunte ao governo.

    http://www.youtube.com/watch?v=g0bi_-pPOOo

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Aliança, pegue os percentuais de aumento de salario minimo nos ultimos 12 anos e os percentuais de inflação.

    Você verá que o aumento nominal do salário mínimo está acima do acumulado da inflação.

    É sim, aumento real.

    Sobre custo trabalhista é uma outra discussão. Se vc quiser escrever um texto sobre isso, baseado em dados concretos, publico.

    ResponderExcluir